“Eu gosto de você, gosto mesmo. Mas isso não significa nada. Não mesmo. Não significa que eu vá correr atrás feito desesperada, nem que eu vá deixar de viver porque você não dá a mínima. Sabe, ninguém morre de amor. Não deve ser tão difícil assim deixar pra lá, não pode ser. E além do mais, amanhã é outro dia, e depois de amanhã, lá vem mais outro… Olha que maravilha, eu ainda consigo pensar direito. No começo é sempre difícil, a gente chora de raiva porque é o que se tem pra fazer. Pode demorar, mas a gente sobrevive.”
But, I like you.  

“Um dia descobrimos que beijar uma pessoa para esquecer outra, é bobagem. Você não só não esquece a outra pessoa como pensa muito mais nela… Um dia nós percebemos que as mulheres têm instinto “caçador” e fazem qualquer homem sofrer. Um dia descobrimos que se apaixonar é inevitável. Um dia percebemos que as melhores provas de amor são as mais simples. Um dia percebemos que o comum não nos atrai. Um dia saberemos que ser classificado como “bonzinho” não é bom. Um dia perceberemos que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em você. Um dia saberemos a importância da frase: “Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas…” Um dia percebemos que somos muito importante para alguém, mas não damos valor a isso. Um dia percebemos como aquele amigo faz falta, mas ai já é tarde demais. Enfim, um dia descobrimos que apesar de viver quase um século esse tempo todo não é suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos, para beijarmos todas as bocas que nos atraem, para dizer o que tem de ser dito. O jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutamos para realizar todas as nossas loucuras. Quem não compreende um olhar tampouco compreenderá uma longa explicação.”
Mario Quintana.  

“— Ai ai.
— Que foi?
— Nada, só precisava quebrar o silêncio.”
Caio Augusto Leite.   

“Eu posso até estar mal, com meus sentimentos abalados e tudo mais. Mas você deve realmente estar se sentindo uma pessoa péssima! Por que, até onde eu sei (e lembro) nunca te dei motivos parar criar uma falha no nosso “amor”, e mesmo assim, você criou uma ausência de respeito e afeto que eu nunca lhe deixei faltar. Mas claro que eu não vim aqui para te culpar, estou longe disso, de ficar apontando o dedo na cara do outro e mostrando teus erros e onde errou. É difícil, eu sei que é, aceitar uma pessoa que você não conhece é um ato de coragem - mas além disso tudo, quero que você fique ciente que te dei a melhor parte de mim, o meu amor sincero e único, sem meus excessos e faltas, meus defeitos, sem a parte de mim que eu não gosto; meu lado frio e amargo. Quero que você se acostume com essa minha nova personalidade, um novo “eu” que ira conhecer e terá que se contentar. Na moral? Você estragou a melhor parte de mim, e isso realmente foi um desperdício.”
Wilkeer Souza. 

“Minha intensidade parece não caber no seu orgulho. Acabei sendo demais para o seu limite; transbordei e você não amparou os meus excessos. Me esvai, fiquei vazio de você, mas nunca de mim… Por que eu sei exatamente quanto de mim é necessário para produzir felicidade. Felizes aqueles que cabem na sua própria felicidade e não exorbitam seus limites.”
Welber Oliveira

“E eu estive presente quando ninguém estava, eu te entendia quando nem mesmo você se entendia, resolvi ser teu para todo o sempre tipico daqueles filmes animados da Disney. Era tudo tão maravilhoso e literalmente dizendo, mágico. Não sei como andar se teus pés não guiarem os meus, não consigo enxergar se você não estiver ao alcance de minha visão e duvido se um dia conseguirei amar alguém que não seja você. Agora, terei não apenas que sobreviver cada dia superando, mas sim, reaprendendo a viver.”
Fabrício Bernardo   

“Escrever é um suicídio. A diferença é que você continua vivo.”
Elisa Bartlett  

“Mas uma coisa é certa, você só vai saber quando tentar…”
Projota 

“Hoje em dia não vale a pena mostrar o nosso melhor lado pra maioria das pessoas. Algumas só abusam da nossa sensibilidade e honestidade pra conseguirem o que querem e depois dão no pé, não tão nem aí. A gente confia, se abre, permitimos que conheçam quem somos de verdade e sabe o que recebemos? Um belo par de costas indo embora.”
Capitule. 

“Eu bem que podia ter tentado te impressionar. Dizer que sou uma pessoa bem agradável, amorosa, gentil, bonita e fina. Também podia te contar todas as coisas legais e incríveis que faço diariamente. E podia relatar todas as “bondades” que fiz ao longo dos meus trinta e um anos. Podia, mas não fiz. Eu sou essa mesmo: sem máscara, sem arma, sem retoque, sem nada. Tenho incontáveis defeitos, mas me ofereço inteira: com minhas partes estragadas e boas. Se quiser vem logo pra cá.”
Clarissa Corrêa. 

theme